Ainda no Império, nas terras que primitivamente circundavam a povo ação de Urubu de Baixo, hoje Propriá, existiam inúmeras propriedades agrícolas, sendo a de Campinhos uma das mais importantes. O proprietário era o capitão Antônio Rodrigues da Costa Dória, um dos membros eleitos para compor a primeira Comarca de Propriá.

Por volta de 1855, tendo se desentendido com sua mãe, depois da morte do seu pai, Francisco José da Cruz – que era dono do Engenho Feiticeira, nas proximidades de Jaboatão de Sergipe, hoje Japoatão – João da Cruz Freire recebeu da sua mãe o quinhão, em dinheiro, que lhe cabia por herança, com o qual adquiriu parte da Fazenda Campinhos. Ele construiu a primeira casa de morada, justamente no ponto onde melhor se avistava a torre da Igreja São Brás, localidade fronteiriça do Estado de Alagoas de onde se via o Rio São Francisco.

Com o passar do tempo, foram chegando algumas famílias, que decidiram construir suas casas às margens do Riacho Jaguaribe, entre a Lagoa Salgada e o local onde hoje funciona a Fazenda Jaguaribe.

wikipedia

Prefeitura Municipal

link

[googleMap name=”Amparo de São Francisco” description=”Cidade do estado de Sergipe” width=”560″ height=”500″ directions_to=”false”]Amparo de São Francisco, Sergipe, Brasil[/googleMap]

Scroll Up